top of page

4 estratégias para fazer amigos na idade adulta!

O suporte de uma rede de amigos é um fator protetor de diversos riscos, nomeadamente, de riscos ao nível da saúde mental, sendo que uma rede de amigos estruturada e segura — mesmo que seja uma rede pequena — assegura um maior bem-estar emocional e social. 


No entanto, é comum que na idade adulta, muitas pessoas sintam que perderam a sua rede de amigos e, à custa disso, se sintam mais isoladas, solitárias e, no limite, desanimadas perante a vida e o futuro. 


A verdade é que fazer novos amigos na infância e na adolescência parece ser — para muitos de nós — um processo simples e espontâneo, no entanto, na idade adulta esta tarefa parece tornar-se mais difícil e, por vezes, quase impossível. 


Não obstante ser mais difícil, é possível fazer amigos na idade adulta que se tornem numa relação forte e segura. Por isso, se sente que precisa de aumentar a sua rede social e fazer novos amigos, comece por: 


1 - Tomar consciência do tipo de pessoas que quer ter como amigos - todos nós temos preferências e interesses diferentes, por isso, é muito importante fazer uma autoanálise que lhe permita perceber quais os tipos de pessoas que gosta de ter por perto e que são compatíveis com a sua personalidade e com tudo aquilo que é. 


2 - Tomar iniciativa de fazer atividades diferentes - depois de saber quais os seus interesses de forma clara, quais os tipos de pessoas que gostava de ter na sua vida. Tome a iniciativa de, mesmo sozinho, fazer atividades onde encontre essas pessoas e onde possa começar a nutrir novas relações. Falamos de atividades, como por exemplo, workshops, atividades desportivas, artísticas ou de voluntariado, por exemplo. 


3 - Ajustar expectativas e não forçar relações  - as  relações e as amizades precisam de fluir, é por isso, importante, manter consciente que pode não ser na sua primeira iniciativa que será capaz de encontrar uma amizade forte e segura. Ainda assim, não deve desistir desse processo, se continuar a envolver-se em tarefas, ambientes e atividades onde possa conhecer pessoas novas, as amizades acabarão por surgir sem que tenha de as sentir excessivamente forçadas. 


4 - Dar de si e permitir-se a receber - todas as relações precisam de ser alimentadas, para isso, é importante que consiga equilibrar aquilo que é, com aquilo que o outro é. Isto implica dar de si, conversar sobre a sua história e os seus interesses, ao mesmo tempo que se permite a receber e a acolher a história do outro e tudo aquilo que ele é. À medida que se vão conhecendo, e vivenciando novas experiências, a amizade acabará por fluir e tornar-se, gradualmente, cada vez mais forte e segura. 


Lembre-se que, embora na fase adulta possam existir mais desafios à construção de novas amizades, fazer amigos é possível em qualquer fase da sua vida e que os amigos funcionam como um suporte significativo ao seu dia a dia e devem alavancar os seus melhores lados e as suas conquistas. Por isso, quando as relações começarem a surgir, alimente-as e cuide delas, só dessa forma poderão perdurar pela vida fora.


1 visualização0 comentário

Comentários


> Marque a sua consulta 

bottom of page