Ser pai é incorporar um Super-Homem!

Em cada filho, há lugar para uma espécie de super-homem, que, parece ter todos os poderes do mundo e ser capaz de conquistar todas as vitórias, até as mais inimagináveis. Essa espécie de super-homem parece sempre ser capaz de derrubar os vilões e dar cabo dos fantasmas. Essa é grande parte da sua função: proteger, cuidar e, com pozinhos de perlim-pim-pim, amar.


Esse super-homem, é capaz de engravidar com a mãe, de sentir os pontapés do bebé e de cantar à barriga, como quem adormece o bebé ainda dentro da mãe e, às vezes, até é contaminado pelos enjoos matinais. Esse super-homem é capaz de embalar, trocar fraldas e mais tarde, segurar nas mãozinhas para que a criança aprenda a andar. Aos poucos o super-homem, pode até aprender a brincar com bonecas, e reaprender a empurrar um baloiço.


À medida que a criança cresce ele cresce também e descobre poderes mágicos que nunca antes imaginou ser capaz de ter, participa no teatro da escola, relembra os problemas de matemática e o jogo da macaca, entra nos desafios e faz um sem fim de conquistas.


Mais tarde, o super-homem é colocado à prova, e confrontado com um chega para lá da criança, não fosse ela ter chegado à adolescência, mas aí o grande desafio que o super-homem cumpre é de conseguir dar espaço ao adolescente, nunca soltando a âncora que o segura e nunca se distanciando demasiado.


Depois da prova ultrapassada, o super-homem parece começar a serenar, orgulha-se do adulto que tem agora à sua frente, consegue reconhecer as atribulações do caminho e, ao mesmo tempo, reconhecer as vitórias conquistadas. O super-homem está agora mais sereno, mas nunca deixa a sua função, continua lá para, com sabedoria, sempre que é preciso, voltar a guiar o caminho de alguém que agora é adulto, mas nunca deixa de precisar de um colo e um abraço forte e aconchegante que é capaz de suportar qualquer dor do mundo.


O segredo do super-homem, é que ele erra ao longo do caminho, mas erra com o coração, nunca se distanciando de si e aceitando que os dois estão a crescer, que o caminho pode ter alguns acidentes, mas que nenhum acidente vai afastar dois corações que são tão melhores, quanto mais próximos e seguros estão.


Esse super-homem consegue escutar o coração da criança e sintonizar-se de forma única e singular… esse super-homem, faz a diferença na vida de todas as crianças e tem um nome: Pai. E são todos os Pais, que não precisam de vestir capa, para serem super-homens, que tornam a vida de todas as crianças mais coloridas e mais felizes.



#escoladosentir

#diadopai

#superhomem

0 visualização

Siga

910773647

  • LinkedIn - Círculo Branco
  • Facebook - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

© 2020 by Escola do Sentir

Rua Abel Botelho 8A - Lisboa