top of page

4 estratégias para as crianças ultrapassarem as dificuldades escolares!

As notas escolares são para os Pais, umas das maiores preocupações na educação de uma criança. E, muitas vezes, é quando surgem más notas, que surge uma espécie de alerta em casa. Acendendo-se uma verdadeira luz vermelha, que provoca uma enorme reação por parte de toda a família.


É claro que nenhum pai, ou mãe, gosta que os filhos tenham más notas, e mesmo que à primeira vista não pareça, todas as crianças ficam incomodadas com uma negativa, ou com uma nota que fique aquém das suas reais capacidades.


No entanto, a criança não pode ser reduzida às suas notas escolares e ser categorizada pelos seus desempenhos escolares. Lembremo-nos que uma criança com más notas é muito mais do que apenas as suas notas escolares e, por isso, não devemos fazer das más notas o seu cartão de visita. A escola é uma das muitas vertentes na vida de uma criança, e quando surgem as más notas, devem ser encontradas soluções para esse problema.


Por isso, se aí por casa as notas dos seus filhos têm sido comprometidas comece por:


1 - Pensar com a criança quais têm sido as suas principais dificuldades no dia a dia - tente abstrair-se das notas escolares e tente refletir com a criança acerca das suas emoções, das suas relações, da forma como se sente segura e capaz. Não há como o rendimento escolar não ser contaminado pelas dificuldades internas da criança, por isso, comece por ajudar a criança a organizar o seu mundo interno.


2 - Analisar de forma específica as dificuldades escolares - é essencial perceber, em conjunto com a criança, quais são as áreas específicas, por exemplo, raciocínio matemático ou raciocínio verbal, que estão a gerar dificuldades à criança. Para que, a partir daí, se possam definir métodos de estudo adequados e se possam dar à criança as bases escolares necessárias para ultrapassar as suas dificuldades.


3 - Ensinar a criança a lidar com a frustração - muitas vezes, perante as primeiras notas escolares menos favoráveis, porque uma criança não consegue lidar com a frustração inerente a essa sensação de fracasso, acaba por desistir subtilmente de investir na aprendizagem e, gradualmente, permitir-se a ter negativas em catadupa. Não porque realmente não tenha capacidades, mas porque é mais simples nem sequer estudar, do que estudar e correr o risco de falhar. Assim, aprender a lidar com a frustração é essencial, para uma criança se manter alinhada com as conquistas e desafios escolares.


4 - Ajudar a criança a estabelecer metas e objetivos - leve a criança a pensar quais os objetivos que tem a nível escolar e que notas pretende obter a cada uma das disciplinas. Depois, de definir esses objetivos, encontrem forma de os atingir, estabelecendo pequenas metas que permitam alcançar esses objetivos e que ajudem a criança a sentir que o seu estudo e os seus esforços estão a dar resultado, permitindo assim que se mantenha motivada ao longo de todo o processo.


Recordemo-nos sempre que, se estamos perante uma criança saudável com dificuldades escolares, é absolutamente essencial pensar a criança por inteiro, olhando para todas as áreas da sua vida, ajudando-a a equilibrar tudo aquilo que vive dentro de si e, só depois disso, ajudando-a a encontrar uma solução clara para as suas dificuldades escolares.



43 visualizações0 comentário

Comments


> Marque a sua consulta 

bottom of page